Doe sangue no Carnaval

Assim como acontece no período de férias, no Carnaval os hemocentros também sentem a redução das doações de sangue. Em alguns locais, de acordo com dados do Ministério da Saúde, essa redução chega a 30%, o que compromete o atendimento aos hospitais que realizam transfusão.

Em feriados festivos, há um aumento da demanda por transfusões, graças ao crescimento, por exemplo, do número de acidentes nas estradas. É por isso que, nos dias que antecedem a folia, campanhas de doação são realizada sem todo o país. Os hemocentros ganham decoração carnavalesca e alguns até oferecem lanches especiais aos foliões que querem salvar vidas. O apelo é para que os voluntários doem antes do feriado. No entanto, alguns hemocentros devem funcionar em regime especial durante o feriado prolongado e podem fornecer informações por telefone.

Pelo Brasil, blocos de Carnaval também aproveitam o clima de festa para abordar o tema. Em Juiz de Fora (MG), por exemplo, a campanha “Samba no pé e solidariedade na veia” chama atenção para a causa e incentiva foliões a doarem. Já em Salvador (BA), a escolha do Rei Momo este ano está vinculada ao incentivo à doação de sangue: a cada 10 voluntários encaminhados ao Hemoba, o candidato ganha 5 pontos.

Juliana Aguiar, diretora do aplicativo Time do Sangue, reforça que todos os tipos sanguíneos são bem-vindos: “Embora o sangue O Negativo seja universal, qualquer pessoa pode doar. Todas as doações são importantes para garantir os estoques nos hemocentros e salvar muitas vidas”.

Se você está em boas condições de saúde, tem mais de 16 anos e pesa mais de 50kg, faça a sua parte. Lembre-se que quem precisa de transfusão de sangue depende exclusivamente do voluntariado e que sua doação pode salvar até 4 vidas. Doe!

 

 

O Time do Sangue é uma startup do bem, que tem como principal objetivo agilizar o processo de doação de sangue fazendo com que as pessoas salvem, no mínimo, 4 vidas com apenas 1 clique. Basta baixar o app, agendar sua doação e comparecer ao hemocentro no horário marcado. Sem filas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*